15/02/18

A TAXA BÁSICA DE JUROS

Observamos a ampla divulgação sobre as constantes reduções da taxa básica de juros brasileira, a SELIC, que passou a 6,75% ao ano a partir de 07/02/2018. Mas o que realmente isso significa e influência na minha vida?

Simplificando temos que a taxa básica de juros corresponde os juros médio que o governo brasileiro paga por empréstimos tomados dos bancos, funcionando como taxa de referência para todos os contratos de crédito dessa economia. O governo interfere na taxa de juros através do Comitê de Política Monetária (COPOM) com o objetivo de manter a inflação dentro da meta estabelecida.

Isso influência na vida dos consumidores porque se os juros caem, a população tem maior acesso ao crédito (empréstimos) e consome mais. O aumento do consumo estimula as empresas a produzirem gerando mais empregos, que é um bom sinal. Mas junto com o aumento do consumo temos o aumento dos preços (inflação) que é um efeito ruim. Por isso é muito importante manter o equilíbrio entre o nível da taxa básica de juros e a meta da inflação.

É preciso ficar atento com as formas e taxas que os bancos disponibilizam os empréstimos à população. Alguns produtos continuam com os juros muito superiores a SELIC como o cheque especial, 323,7% ao ano, empréstimo pessoal 78,3% ao ano e o financiamento do cartão de crédito, 233,8% ao ano.